Falando um pouco sobre o livro Bird Box (Caixa de Pássaros) e Malorie - Desmorto

Desmorto

Diversão para vivos e não vivos

Post Top Ad

Responsive Ads Here

terça-feira, março 08, 2022

Falando um pouco sobre o livro Bird Box (Caixa de Pássaros) e Malorie

Faz um tempo considerável (2018) que o filme Bird Box foi lançado na Netflix, protagonizado pela atriz Sandra Bullock


O filme em si até que conseguiu me agradar, e lembro que na época foi um bafafá sobre o mesmo. Dividindo as opiniões sobre o longa e tal.

Pois bem, a não muito tempo atrás vi que o livro Bird Box estava por um preço muito convidativo (10 reais na época), o que me fez me dar uma chance ao livro.


E senhores, que livro legal. É claro que já tendo visto o filme, muito da trama já é de meu conhecimento, mas mesmo assim o livro consegue ser cativante, fazendo com que a cada capitulo dê vontade para continuar a ler.

E como é comum com adaptações de livros para o cinema, a história de um e outro tem diferenças. Diferenças essas que acredito que são justificáveis, pois não tem como trazer para a tela determinadas situações que são descritas no livro justamente pois o plot da história são criaturas que não se pode olhar para elas se não a pessoa fica insana, mata as pessoa em volta e se mata.

Perto do final por exemplo há um acontecimento muito similar a algo que aconteceu recentemente no mundo real (com as devidas diferenças).

O livro me agradou tanto, que deixei na minha lista de desejos a sequencia da história, intitulado "Malorie". E novamente este novo livro consegue ser muito cativante. 


Desta vez as crianças já são adolescentes, então a dinâmica dos acontecimentos  trouxe dois novos personagens (os filhos de Malorie) de uma forma muito mais participativa e importante. 

O acontecimento que faz com que eles saiam de onde estão e se coloquem em uma nova aventura para mim foi coeso, mas entendo quem talvez torça o nariz pelos motivos.

O livro em si é cativante do começo ao fim, terminando um capítulo e querendo logo ver o outro. 


A sociedade (ou parte dela) apresentada nessa nova realidade é interessante também, trazendo (com pouco profundidade devo dizer) alguns personagens interessantes.

E ai temos o final do livro, que traz um encerramento real para a história. Fechando todas as possíveis pontas soltas e dando a perspectiva de como será o futuro, mas... hum, não gostei muito.

O desenrolar e o clímax achei até que bom, o plot final onde o jeito de ser de Malorie do passado é confrontado com o jeito de ser dela do presente me foi interessante, porém tem uma parte do final que não me agradou, pois foi muito corrido e praticamente sem peso.


Não dá para falar exatamente o que é, pois seria um grande spoiler, mas "esse fechamento" dessa ponta solta foi para mim a coisa mais fraca da história.

Porém isso não dá para transformar o livro todo em um lixo, ainda o considero muito bom e recomendo fortemente a leitura de ambos, tanto Bird Box quanto a sequencia Malorie.

E vocês, já leram o livro ou só viram o filme? Digam o que acham dessa obra e sobre essas criaturas que não podem ser vistas sem levar a morte quem os vê.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado

Post Top Ad

Responsive Ads Here